Gadget para redes sociais!!

Você precisa de um gadget que direcione para suas redes sociais, mas quer com contador?  Encontrei o lugar certo! Pelo menos para meu blog e minhas necessidades de principiante.

Eu não precisava de contador, pois nem tenho mais de mil ou dois mil seguidores para mostrar, mas sempre quis colocar um gadget que direcionasse para minha página do Facebook, Twitter ou Tumblr. Geralmente leio sobre a fidelização dos meus leitores, para vocês voltarem ao meu blog e continuarem acompanhando o que escrevo, mas colocar determinadas coisas em prática é preciso mais que só boa vontade. Precisamos de conhecimento e, conhecimento profissional!

Ainda bem que existem blogs que dão uma mãozinha (na verdade, quase o braço todo) e nos ajudam com esses detalhes tão importantes para deixar nossas páginas exatamente do jeitinho que queremos.

O santo blog desta foi o Gerenciando Blog, que disponibilizou, de forma mais que mastigada, como fazemos para ter um gadget com contadores para redes sociais em nossos blogs.
Quando eu digo que é de forma “mastigada” , é que ele facilitou tanto que é até difícil de acreditar! Você precisa ver.
No topo da coluna a direita você pode conferir o resultado. Eu amei!!

Ampliopia (Olho “preguiçoso”) – Tampão no olho é a cura!

Minha irmã é mais nova que eu sete anos. Esses dias ficamos conversando no portão de casa, pois ela insistia em dizer que já ia embora.

Conversa boba vai e conversa boba vem, ela contou que um dia desses foi ao posto de saúde onde ela trabalha uma garotinha com tampão no olho. A garotinha estava com aquele ar de tristonha, provavelmente por ter que tomar uma vacina referente a idade dela (não devia ter mais do que cinco anos).

Na intenção de descontrair a menina, minha irmã falou sobre seus óculos cor de rosa e de como ela estava linda com eles. Disse que lembrou de mim, pois eu também usava tampão quando era pequena. Eu tinha estrabismo, dentro de outras coisinhas mais em relação a minha visão, tanto que uso óculos desde os dois anos de idade.

No final, essas lembranças deixaram-na emocionada, tanto que acabou chorando no serviço (e no portão de casa também). TPM á parte, um amigo dela perguntou o motivo da comoção e depois de ouvir a história chegou a imaginar que ela estava falando da irmãzinha mais nova…

O caso não é para tanto. Com tudo isso, acabei relembrando da época que usei o dito tampão. Minha mãe recortava as figurinhas dos gibis para colar por dentro do tampão para ficar mais chamativo (ou algo assim). Eu odiava o Tio Patinhas, pois ele tem o traçado fino, sem muitas cores e mal dava para ver nada. Agora, a Magali, do gibi da Mônica (Maurício de Sousa) era minha predileta, pois lembro do pequeno borrão amarelo grudado na parte interna do meu óculos…

Eu mal enxergava sem os óculos, imagine ver o desenho grudado a dois centímetros (no máximo) perto do olho?! Não estou falando mal do tampão, do método, do oftalmologia, não é nada disso. Acho graça da Magali ficar gravada e minhas lembranças como um simpático borrão amarelo, que atrapalhava eu ver meus desenhos que passavam na televisão pela manhã.

Cheguei a recordar das traquinagens que aprontava com o tampão para conseguir enxergar um pedacinho do mundo! Nada que pareça trauma de infância.

Procurei fotos da época, mas não estão acessíveis no momento, então peguei uma da internet. Achei esta em um blog que está paradinho há um ano, mas a informação sobre Ambliopia x Tampão é muito boa.

Confere aqui um fragmento da matéria:

“Ampliopia, ou “olho preguiçoso”, é uma deficiência na visão em que um ou os dois olhos não apresentam um amadurecimento normal. Tem que ser detectada e tratada antes dos quatro anos, quando a visão ainda está em pleno desenvolvimento. Se não tratada até os sete anos, as perdas são consideradas irreversíveis e a visão fica definitivamente comprometida.”

 Gente, é tão fácil tratar!


Sujeira em São Paulo nas Eleições de 2012!

Lendo o título até parece mais uma falcatrua dos nossos políticos de hoje em dia… apesar que não deixa de ser.

Existem assuntos que eu não gosto de  comentar. Fujo de dar determinadas opiniões, principalmente quando falamos de religião, futebol e política. Só que tem uma coisa que eu vi ontem que me deixou muito triste.

Passava só um pouquinho das oito horas da manhã quando eu saí de casa para votar. A escola é tão pertinho que da esquina da minha casa vejo o movimento dos alunos no portão dela. Certo, também não sou a pessoa mais politicamente correta desse mundo, mas a cena que eu vi foi surpreendente!

Algumas pessoas na rua andando vagarosamente sobre a grande quantidade de papel que praticamente cobria a rua!! Gente, as votações tinham começado há alguns poucos minutos e a rua já estava forrada de papel!! O pessoal que trabalha com campanha política deve ter acordado muito cedo, ou melhor, nem ter dormido de sábado para domingo só para poder espalhar papel nas ruas próximas aos locais de votação.

Boca de urna é proibida, então vamos jogar papel nas ruas na esperança de capturar aquele eleitor que está indo votar e não tem candidato definido ainda, pois ele se liga tanto no que está acontecendo em seu município que só vota mesmo porque essa “coisa” é obrigatória! Então, visualizem comigo, ele pega um desses milhares de papel do chão e vota em seu vereador escolhido ao acaso no lixo!

Eu tive dificuldade de andar até a porta da escola, com medo de escorregar sobre o papel… Peguei algumas fotos na internet para ilustrar o post e não tive dificuldade alguma de encontrar o que precisava. Digitei: “sujeira nas ruas sp” e apareceram diversas imagens com indicação de 12h de postagem, 18h e por aí foram.

No momento que eu vi a rua daquela forma, passaram por minha cabeça algumas palavras, “judiação” foi só a primeira. O desperdício de papel, a sujeira que os garis vão ter limpar nessa segunda… e se chove?! São Paulo já não tem nenhum problema com enchente mesmo, o que tem jogar essa tonelada de papel nas ruas?

No meio das imagens, apareceu este cartaz ao lado.

São Paulo vai ter o segundo turno para prefeito entre os candidatos Serra e o Haddad. Espero que eles, além de tantas outras coisas que acontecem nas candidaturas, não necessitem também de sujar as ruas como aconteceu agora com os candidatos a vereador.

Refletindo: “Se nossos candidatos a vereadores, que são aqueles que estão mais próximos da realidade de nosso bairro, fazem tanta sujeira na rua para tentar eleger-se, o que eles farão na Câmara Municipal se conseguirem? Mais sujeira?”

 

 


Pesquise Antes de Editar

Quando fui editar Minha Cinderela Interior fiz uma boa pesquisa sobre Editoras, preços, Editoras por Demanda, Editoras em Parcerias e outras coisinhas mais. Postei sobre o registro na Biblioteca Nacional, ISBN e até falei sobre a parte da divulgação que nós autores temos que fazer.

Essa semana, pela rede Linkedin, uma matéria acabou chamando minha atenção. O título é: “CUIDADO com a LP-Books (Editora LivroPronto)!!”

 Trata-se de uma denúncia, onde a autora Geyme Lechner conta como foi o problema que vivenciou ao editar seu livro com essa empresa. Além dela mesma ter que revisar e corrigir seu romance, o que constava no contrato que a editora faria, muitos outros problemas ocorreram.

“Os livros que paguei para publicar chegaram até mim, borrados de tinta, sujos, com folhas caindo do miolo, páginas em branco, numeração saltando de 100 para 200. Reclamei com o pessoal da editora, e para variar, uma vez mais, ninguém se responsabilizou pelo ocorrido, tive varias “explicações”, mas nenhuma solução.”

 Depois de muito reclamar, ela recebeu um e-mail do Sr. João Antonio de Carvalho (Editor Responsável da empresa em questão). Gente, vocês precisam ver o tamanho do desrespeito que a Geiyme, enquanto cliente, foi tratada… Claro que o caso acabou na justiça, pois só assim para resolver.

Fiquei imaginando, eu, escritora iniciante, sonhando em ver meu “filhotinho”  ganhar forma, toda feliz por ter conseguido de uma forma ou de outra editar meu livro… fiquei perplexa! O abalo emocional, o sonho quase sendo dissolvido diante dos meus olhos, a amargura de não ter uma resposta decente e… fora o grande desaforo!!

Essa foto de cima, retirei do blog da escritora, mas tem mais, chega a doer o coração! Para quem quiser ler a matéria na íntegra, é só clicar nesse link:  “Blog Boutique de Ideias.”

Fica a dica da Geyme para todos nós autores: Antes de publicar com determinadas editoras sob demanda, pesquise antes, averigue, pergunte para quem já publicou com a mesma para não correr o risco de comprar gato por lebre e sair na pior… Da boca para fora, todas têm as mesmas palavras prontas: “Somos respeitáveis, temos experiência, somos isso, aquilo…”!!


Trabalho, Dinheiro e Prosperidade – Iêda Neres na Rádio Mundial!!

Para quem é de São Paulo, hoje, dia 16/05 na Radio Mundial (FM 95,7), apartir das 21 horas, teremos o programa  Trabalho, Dinheiro e Prosperidade, ministrado pela Professora Universitária e Consultora de Carreira Iêda Neres.

O programa terá duração aproximada de 30 minutos e vale a pena conferir. Ouçam ao vivo pela Radio Mundial online.

Se você estiver procurando um emprego ou se está indeciso (a) por qual caminho profissional seguir, conheça o trabalho da Profª Iêda. Quem sabe ela não te ajuda a encontrar a tão desejada luz no final do túnel?

Para quem segue meu blog, já deve conhecer uma pouco do trabalho desta excelente profissional. Confiram em:

Meu primeiro Workshop com a Profª Iêda Neres

Resultado do Exame Grafológico (feito em decorrência do workshop).

Confiram também a rápida biografia de Iêda Neres no site da Rádio Mundial: (Detalhe muito relevante: ela também é escritora!)

http://radiomundial.com.br/comunicadores/?id=584


Parcerias com Blogues

Lá fui eu em busca de meus blogs parceiros. Já comentei em outra ocasião que adicionei alguns links de blogs que eu gostava. Não era uma questão de parceria, mas se tinha haver com o meu nicho e eu gostava do jeito que a pessoa escrevia, estava “linkado”.

Tenho até o pessoal do “Amanheceu o Pensamento”, espaço que eu dediquei aos poetas e poetizas que conheci, em sua maioria, no Facebook. Gosto das coisas que essa turma maluca escreve.

Bem, mas com tudo isso, preciso de parceria para a divulgação do meu trabalho. Como não conheço bem o caminho da pedras, o jeito foi perguntar. Passei alguns e-mails e a explicação veio.

Parcerias:

Vou explicar o que entendi. Se for parceria de blog para blog basta trocar o banner (mais ou menos isso) ou disponibilizar o link  um na página do outro. Perfeito.

Se for parceria de escritor com o blog, já é um pouquinho diferente. Você manda um livro para fazerem a resenha e outro (se quiser/puder) para sorteio no blog.

Seria ótimo se eu tivesse alguns exemplares para poder fazer parceria com os blogs, mas infelizmente essa ainda não é minha realidade.

Proposta Indecente

Foi esse o nome carinhoso que eu dei para a proposta que eu fiz a alguns blogs. Perguntei se eu poderia estar enviando o meu texto em PDF para fazerem a resenha, me comprometendo a enviar um exemplar para sorteio assim que possível.

Falar a verdade eu nem imaginei que alguém responderia ao meu e-mail, mas como um “não” eu já tinha… rs. Sempre temos um “não” antes de pedir alguma coisa para alguém, mas precisamos é batalhar pelo “sim”. Acreditando que existia uma pequena possibilidade, lá fui eu.

Não acreditei quando recebi a primeira resposta  do meu pedido!!

Só que essa parte eu conto melhor no próximo post.

Beijos a todos que me lêem!

 

 


Escrever um blog é legal, mas os detalhes matam!

A coisa mais difícil do mundo é tentar fazer o que você, nem de longe, domina.

Escrever um blog é legal, mas os detalher matam! Ontem passei o dia todo pesquisando como colocar os tais botões do twitter e facebook, mas o que aprendi?

Aprendi que preciso mesmo da ajuda do maridão! O Ferramentas Blog é um site maravilhoso e com certeza eu recomendo, mas falta uma força da Graziella aqui…

A boa noticia é que agora tenho um Facebook e um Twitter.

A má notícia? Estou mesmo aprendendo a dominar essas gracinhas e tentando não ficar louca!

Em breve estarei com meus liks em ordem (espero…)

 


Como Editar Meus Livros?

Uma vez eu li que muita gente sonha com a noite do lançamento de seu livro, com as dedicatórias, autógrafos, fotos para registrar o momento… a fama! Sonha, mas não sabe o que é sentar e escrever a história.

Bem, eu sei o que é escrever uma história. Aquela cena que não sai da sua cabeça e desenrrolar todo um contexto a volta só para chegar naquele ponto, mas… Como editar meus livros?

Se você tiver dinheiro é fácil, mas se não for o caso… Existe uma saída? Passei o dia pesquisando a esse respeito e vou compartilhar o que achei mais interessante:

Livros, livros, livros!!Sites que poderão ajudar: Giz Editorial, CBJE e Virtual Books.

Tem também dois sites fenomenais, que eu li e gostei muito: O Nerd Escritor e o “Escreva o seu Livro

E, finalmente, mas não menos importante: o Clube de Autores. É neste site que fiz minha inscrição e em breve vou colocar meus livros para editar.

Só estou aguardando a greve dos Correios X Bancos acabar, para poder registrar o meu primeirissimo livro e colocá-lo no Clube de Autores!

Já ia esquecendo! Também peguei duas páginas com endereços de Editoras, para aqueles que preferem se aventurar em mandar suas obras e ver se conseguem um meio mais clássico para editá-las: (elas parecem um pouco desatualizadas, mas vale a pena conferir) Relação 01 e Relação 02.

Boa Noite à todos e um ótimo final de semana.


Direitos Autorais

Passei um tempão colocando minhas ideias em um editor de texto, comentei sobre minhas histórias com a família e amigos mais chegados, estou empolgada, mas ainda me sinto insegura. Fico imagimando que registrar meu livro é um bicho de sete cabeças…

Até editar pode ter umas cinco… mas para registrar,  sete eu sei que não tem. Dá uma lida no site da Biblioteca Nascional, mais especificamente em “Registros e Averbações” do Escritório de Direitos Autorais (EDA).

Pelo menos você, candidato a escritor (assim como eu), pode perceber que pelo menos suas ideias, seu livro, sua história tão querida estarão protegidas.

Soou cafona, eu sei, mas o que vale é a intenção…

Depois tem o problema de se registrar como autor/escritor e… Enfim, tem um site coligado com a Biblioteca Nacional que vai te explicar bem, é só ter pasciência para dar uma lida: Agência Brasileira do ISBN.

Espero ter ajudado em alguma coisa.

Bjs

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...