Planeta Rosa – GJ 504b

A NASA revelou a imagem de um exoplaneta que orbita em volta de uma estrela chamada GJ 504, semelhante ao nosso Sol.

Trata-se de um planeta cor-de-rosa!! Acredita que nessa fase de dizer não ao preconceito, onde casamentos e adoção por parte de casais homossexuais  são legalizados, a homofobia tornar-se crime, entre outras coisas importantes que estão acontecendo nesse sentido, encontra-se um planeta cor-de-rosa?

Os mais místicos poderiam dizer que esse é um sinal vindo dos céus, mas eu não vou chegar a tanto. Claro que essa é uma noticia importante para o mundo científico, onde o telescópio Subaru, instalado no Havai conseguiu fotografar o planeta e os cientistas concluíram que ele é tão grande como Júpiter, fica a 57 anos luz da Terra e descreve uma órbita em volta de uma estrela brilhante como o Sol. Só que essas informações serão passadas pelos sites, revistas, jornais e reportagens que levam o assunto na seriedade que ele merece.

Para mim, escritora de 3 livros homoafetivos/eróticos, o que mais chamou a atenção é o fato do planeta ser cor-de-rosa! Pode até ser fútil, mas amei!!

Essa imagem tem grandes possibilidades de tornar-se um símbolo para alguma campanha LGBT, ou ao menos compor o novo banner do meu blog que eu estou precisando fazer:


Livros gays, Histórias Homoeróticas, Homo-afetivas, Boy’s Love ou Yaoi

Novaki

Junjou Romantica - Anime

Todos esses são termos para designar quando o assunto é romance entre pessoas do mesmo sexo, no caso, homens. Sim, quando se trata de mulheres, os dois últimos termos mudam.

O primeiro livro que lancei contém cenas picantes, narradas em primeira pessoa. A maioria disse que gostou, que estão bem empregadas no contexto e que não são vulgares. Claro que era isso que eu almejava quando ousei escrever sobre sexo de forma mais tranquila, mas querer e conseguir são coisas distintas.

Todos sabem que Minha Cinderela Interior, apesar de ser o primeiro livro que lancei, nem de perto foi o primeiro livro que escrevi. Ele é uma história mais curta, denso emocionalmente, mas de leitura leve. Um romance hétero, que aborda diversos temas complicados, mas com uma pitada de bom humor. Fiquei satisfeita com o resultado.

Passeio por gêneros completamente diferentes, e estou aprendendo a separar as coisas de forma tão incisiva, que até eu mesma acabo assustando. Escrevi algumas coisas no campo homo-afetivo e sinto que meus romances estão amadurecendo nessa área.

Há algum tempo, imaginei que seria difícil eu assinar determinados romances sem ser com um pseudônimo, pois tinha medo do preconceito que poderia sofrer, mas isso nunca foi em relação as minhas histórias gays. Olhando para trás, chego achar isso engraçado. Hoje, quero que meus leitores saibam que escrevo sobre tudo, de literatura fantástica a homo-afetiva, e para isso acontecer, estou desenvolvendo um projeto com um site que eu amo.

2013 promete!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...